sexta-feira, 27 de junho de 2008

Um dos melhores filmes sobre futebol feito no Brasil.

Um dos melhores filmes sobre futebol feito no Brasil.
Carlos Alberto Mattos, crítico de cinema do jornal O Globo.
Não poderia pensar que alguém pudesse fazer um filme novo em cima de um tema que parecia já esgotado. O filme é uma novidade.
Alberto Shatowski, crítico, Grupo Estação.É a afirmação de um Brasil como um povo.
Aydano André Motta, O Globo

Direção primorosa.
Reinaldo Leal,radialista, jornalista esportivo

Mais do que tudo, traduz o espírito do que foi a vitória de 58.
Fernando Maia, jornalista esportivo O Globo
É emocionante. Vivi e revivi essa época.
João Máximo, crítico, jornalista. O Globo.Um filme surpreendente.
Jonas Vieira, radialista. Rádio Roquete Pinto
No meu imaginário a Copa de 58 é tudo e o filme traduz muito bem essa minha fantasia.
Afonsinho, ex-jogador.

Um filme excelente, que vai além do futebol, feito para o grande público.
José Luiz Fevereiro, filatelista.

Um filme que tem chances de despertar o ânimo do brasileiro e alimentar a auto-estima do país.
Noilton Nunes, cineasta.

Direção e música imbatíveis.
Marcos Sacramento, cantor.

Um filme que ganha quem gosta e quem não gosta de futebol, pelo enredo, pela montagem e pela música.
Clara Sandroni, cantora..

RESENHAS

1958 não é um simples documentário. O filme do diretor artilheiro Zé Carlos é mais do que cinema - é gol de placa, sonho, paixão, poema épico! Como diria Nélson Rodrigues, a sessão de cinema acabou em choros convulsivos e aplausos delirantes.
Andrei Bastos, jornalista e designer gráfico

É um filme-festa. Um filme-homenagem. Um exercício de generosidade para com o país. José Carlos Asbeg tenta, com sucesso, orquestrar uma festa-ética entre a docilidade dos 22 jogadores e a força necessária para ganhar a nossa primeira e mais importante Copa do Mundo. Todos estão de parabéns e o cinema brasileiro também! O nosso documentário segue dando ao país verdadeiras lições de história.
Luiz Rosemberg Filho

quarta-feira, 23 de abril de 2008

Entrevista com Romario de Oliveira







Entrevista com Romario
Posição: volante
Jogador do Serra/ES


terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Capixaba

Primeira fase 1ª 2ª 3ª 4ª 5ª 6ª 7ª 8ª 9ª 10ª11ª 12ª13ª14ª 15ª 16ª 17ª 18ª





Data Hora Local Mandante Visitante
08/02 20h15 Conillon Jaguaré 3x1 Desportiva
09/02 16h30 Kleber Andrade Rio Branco 0x1 Serra
09/02 16h30 Municipal Vilavelhense 3x0 Pinheiros
09/02 18h Justiniano de Melo e Silva Colatinense 0x2 Linhares
10/02 16h30 Virgílio Grassi Rio Bananal 1x2 Colatina

Entrevista com Allan Soares Oliveira - Serra/Es

Entrevista em audio com filmagens fotograficas Entrevista com Allan Soares Oliveira - Serra/Es Técnico: Luiz Claudio


quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008

O meia-atacante Allan Soares de Oliveira do Serra/Es equipe Juniores





Como havia comentado anteriormente, o meia-atacante Allan Soares, forte candidato a artilheiro do time Serra Juniores, passa a jogar no time oficial.
Veja, apartir do dia 11, entrevista exclusiva cedida ao blog olheiros do futebol.

Técnico Luiz Claudio no Jogo contra o Pinheiros

Time Serra/Es equipe Juniores

Torcida Serrana

Senhor Mauro e André Serra/ES

Treino do Serra/ES




NA FOTO: Roberto ( treinador) Luiz Claudio ( Técnico) Pimentel ( Treinador).

Luiz Claudio e Gilberto - Partida Serra X Pinheiros

domingo, 3 de fevereiro de 2008

Meninos de Ouros... Alegria de nossos corações

Pato dá vitória ao Milan


Pato dá vitória ao Milan
O atacante Alexandre Pato deu ao Milan a vitória por 1 a 0 sobre a Fiorentina, no Stadio Artemio Franchi, em Florença....

Fábio Caponi é o novo técnico dos juniores do Cruzeiro

O Vice-Presidente de Futebol do Cruzeiro, João Carlos Lock, confirmou a contratação do técnico Fábio Caponi para comandar os juniores do Estrelado neste ano. Fábio Kettermann Caponi tem 32 anos e é formado em educação física pela UFRGS, com pós graduação em Fisiologia do Exercício também na Universidade Federal. Caponi começou a trabalhar com futebol no Dom Bosco, em 1995. Em 13 anos de profissão, passou pelo Grêmio durante três anos, pela Ulbra em quatro temporadas, além de clubes como Guarany de Camaquã, Palmeirense e Sâo Luiz. No ano passado, o Cruzeiro ficou em terceiro lugar no Estadual de Juniores. O campeonato Estadual deste ano irá começar em março.

PENEIRAS - A primeira seleção de atletas neste ano para os juniores do Cruzeiro será realizada nos dias 30 e 31 de janeiro, a partir das 8h30min, no estádio Estrelão, na avenida Protásio Alves 8301. Os interessados devem se apresentar com material esportivo (chuteira, meia, calção e camiseta). Maiores informações podem ser obtidas na secretaria do clube, ou pelo telefone 3024-6520.


Assessoria de Imprensa - Esporte Clube Cruzeiro

Campeonato Carioca de Futebol

Campeonato Carioca de Futebol é a competição entre os times de futebol do estado do Rio de Janeiro, Brasil.

O campeonato do atual estado do Rio de Janeiro é disputado desde 1976, após a fusão dos estados da Guanabara e do antigo estado do Rio de Janeiro, cuja capital era Niterói. Até então existiam os campeonatos Carioca e Fluminense de futebol. No entanto, apesar do gentílico do estado do Rio de Janeiro ser “fluminense”, por motivo de tradição manteve-se o termo “carioca” (referente apenas à capital) no título do torneio que passava a abranger todo o Estado.

A primeira temporada do campeonato, relativa ao então Distrito Federal, foi disputada em 1906 e é, portanto, a terceira competição estadual mais antiga do país, atrás do Campeonato Paulista e do Campeonato Baiano.

A primeira partida pelo Campeonato Carioca foi disputada no dia 3 de maio de 1906 no campo da rua Guanabara, do Fluminense, no bairro de Laranjeiras, e o resultado foi Fluminense 7 a 1 Payssandu, com o primeiro gol da história deste campeonato sendo marcado por Horácio Costa Santos, do Fluminense.

Primeira partida de futebol no Rio de Janeiro

Consta que a primeira partida de futebol oficialmente realizada no Estado do Rio de Janeiro, aconteceu no Rio Cricket & Athletic Association, em Niterói, no dia 1 de agosto de 1901, embora desde 1894 se jogasse futebol em Bangu, sem reconhecimento em função do aparente não cumprimento de regras do jogo como times uniformizados e campo oficial, e haja indícios de que se praticava o futebol desde 1886 no Colégio Anchieta, na cidade de Nova Friburgo. Em 1874, marinheiros ingleses jogaram futebol na praia da Glória, na cidade do Rio de Janeiro.

Neste dia Oscar Cox, que viria posteriormente a ser fundador (em 21 de julho de 1902) e presidente do Fluminense Football Club, atravessou a Baía da Guanabara para chegar na capital do antigo Estado do Rio de Janeiro, indo enfrentar os praticantes de críquete e tênis do clube inglês, com a partida entre brasileiros e ingleses tendo terminado empatada.

Cerca de quinze observadores assistiram o jogo que terminou com o resultado de 1 a 1, causando espanto a crônica da época, não habituada a relatar embates finalizados sem vencedores.

Os palcos das disputas

Fifa confirma: Brasil é sede da Copa de 2014

Essa será a segunda Copa realizada nos gramados do país. Para todos os torcedores, será uma oportunidade de assistir em casa ao principal torneio da modalidade esportiva mais praticada no mundo.

A Copa 2014, pelo regulamento da Fifa, deveria ser realizada na América do Sul. A disputa ficou entre o Brasil e a Colômbia. Em abril deste ano, alegando que não conseguiriam cumprir todas as exigências da Fifa para a realização de uma Copa do Mundo, os colombianos retiraram a candidatura. O Brasil se tornou candidato único

Apresentação do Brasil é marcada por sexo e ecologia

Basicamente, as exigências da Fifa para a Copa rezam que os estádios onde as partidas são disputadas apresentem as mesmas condições de conforto e segurança que as de seus equivalentes nos países desenvolvidos. Todos os assentos, por exemplo, têm de ser numerados e é preciso haver hospitais e estacionamentos nas imediações. Com a confirmação do Brasil para a Copa de 2014, terá início uma corrida para adaptar os estádios do país aos padrões internacionais

Infra-estrutura

Sediar uma Copa significa hospedar 32 equipes e suas comitivas durante um mês e criar estrutura para a realização de 64 partidas, que serão transmitidas globalmente. A expectativa é que em um mês 500 000 turistas – 10% do total que o país recebe em um ano inteiro – acorram às cidades onde acontecerão os jogos.

>>> Seleção brasileira é a única dom 5 títulos mundiais
>>> Conheça a história da Copa do Mundo de Futebol

Não há motivos para duvidar de que a Copa de 2014 no Brasil seja uma grande festa. Além de dispor de sete anos para organizá-la, o país vem de um notável sucesso na realização dos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro.

"A Copa do Mundo transcende o aspecto meramente esportivo", diz o presidente da Fifa, o suíço Joseph Blatter. "É uma oportunidade magnífica para combater problemas sociais e promover os valores positivos associados ao futebol." Na África do Sul, existe a expectativa de que a Copa de 2010 contribua para o esforço de integração da maioria negra à economia do país, diminuindo as diferenças sociais herdadas do apartheid. A Coréia do Sul e o Japão melhoraram significativamente suas relações bilaterais ao organizar em conjunto a Copa de 2002.

No Brasil, já estaria de bom tamanho erradicar a dengue para que não atinja os estrangeiros que virão em 2014. A Alemanha, por sinal, enfrentou com sucesso a ameaça de um surto de sarampo antes do Mundial de 2006.

Custos
Organizar uma Copa do Mundo, evidentemente, não sai barato. No caso da Copa no Brasil, parte da verba virá dos cofres da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), beneficiária dos polpudos patrocínios da seleção brasileira. Mas os gastos com infra-estrutura nas cidades onde acontecerão os jogos – construção de estádios, obras em estradas, aeroportos e sistemas de telecomunicações – correrão por conta do estado, ou seja, serão bancados com dinheiro público. Calcula-se que o Mundial de Futebol do Brasil consumirá 5 bilhões de dólares, embora as estimativas finais, quando anunciadas, devam prever cifras bem maiores.

Os argumentos a favor dos gastos públicos com a Copa do Mundo no Brasil dizem que o certame trará empregos, aumentará o fluxo turístico, promoverá a revitalização de áreas urbanas e garantirá investimentos de peso no país. Mas as estimativas sobre número de turistas, geração de empregos e impacto do evento sobre o PIB em geral são exageradas. O normal é subestimar as despesas e superestimar as receitas. Encerrada a Copa, os cálculos são refeitos (quando o são) e a realidade costuma ser menos cor-de-rosa.

"A Copa deve ser comparada a uma festa de casamento. Você dá uma grande recepção, mas não deve esperar lucrar com ela", diz o economista Victor Matheson, do College of the Holy Cross de Massachusetts, autor de um estudo que mostra que o impacto de megaeventos esportivos é bem menor do que se alardeia.

Para os otimistas, a Copa costuma ser uma oportunidade para realizar investimentos em infra-estrutura de que há muito os países necessitam. "A Copa do Mundo antecipa investimentos que teriam de ser feitos em algum momento", afirma o presidente do Comitê Organizador da África do Sul, Danny Jordaan. Os sul-africanos vão aproveitar 2010 para construir um trem de alta velocidade entre Johanesburgo e Pretória. Os alemães reformaram estradas.

O Brasil poderia aproveitar para dar uma solução definitiva aos problemas de seus aeroportos. Apenas o Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro, pode ser considerado pronto para um evento do porte de uma Copa do Mundo, já que opera com metade de seu potencial. De qualquer modo, a partir desta terça-feira, o Brasil terá sete anos para preparar uma Copa inesquecível – e que espante do Maracanã os fantasmas de 1950.


RDM Noticias com
Veja, Portal Terra

Engenheiro Alencar Araripe


Engenheiro Alencar Araripe

(Engenheiro Araripe)


Clube: Desportiva
Localização: Cariacica
Capacidade: 25 mil lugares

Roberto Siqueira Costa


Roberto Siqueira Costa
(Robertão)

Clube: Serra
Localização: Serra
Capacidade: 3 mil lugares

Kleber José de Andrade


Kleber José de Andrade
(Kleber Andrade)

Clube: Rio Branco
Localização: Cariacica
Capacidade: 22 mil lugares

Salvador Venâncio da Costa


Salvador Venâncio da Costa
(Salvador Costa)

Clube: Vilavelhense
Localização: Vitória/ES
Capacidade: 10 mil lugares

Justiniano de Melo e Silva


Justiniano de Melo e Silva

Clubes: CTE/Colatina e
At. Colatinense
Localização: Colatina
Capacidade: 10 mil lugares

Estádio Municipal de Jaguaré


Estádio Municipal de Jaguaré
(Conilon)



Clubes: Jaguaré
Localização: Jaguaré
Capacidade: 5 mil lugares

Joaquim Calmon





Joaquim Calmon

Clubes: Linhares
Localização: Linhares
Capacidade: 2 mil lugares

Desportiva - Espírito Santo

Jovens estrelas no corredor do Sucesso.Serra/ES




Jovens estrelas no corredor do Sucesso.Robinho, Romario e Allan estão sempre na mira dos torcedores e técnicos.
Pernas rápidas e eficientes são caracteristiscas de Robinho. Romario é um jogador de força e Allan um forte candidato a artilheiro do time.
Esses 3 garotos têm o dom de levar alegria para a torcida Serrana e, ao meu ver, logo logo estarão na equipe oficial do Serra Futebol Clube

Torcer por um time de futebol agrega uma característica extra à identidade.




Bandeiras, fogos de artifício, fumaça colorida, balões, euforia. Caravanas para ir a jogos em outros estádios e - dependendo do time para o qual se torce - outros países. Camisa no peito, pintura no rosto, o grito solto no ar, coração na mão a cada passe. Espetáculo de primeira grandeza, assistido também por quem, nervosamente, fica em casa na frente da televisão, torcendo as mãos a cada lance, tombando a cabeça para ver melhor o que está acontecendo no cantinho da tela. Tem coisa melhor do que futebol?

Profissionais de Futebol

O jogo




O futebol é o desporto coletivo mais praticado no mundo. É disputado num campo retangular por duas equipas, de onze jogadores cada lado, que têm como objetivo colocar a bola dentro das balizas adversária, não é permitido o uso das mãos, exceto pelos goleiros e nas cobranças dos arremessos laterais, (onde o jogador deve lançar a bola para dentro do campo com as duas mãos). Esse objetivo é chamado de gol (Brasil) ou golo (Portugal) - ambos os termos derivam da palavra inglesa "goal". A meta, baliza, gol é um retângulo formado por duas traves ou postes verticais, fincados no solo, uma trave ou travessão paralela ao solo e uma faixa branca posicionada no gramado exatamente abaixo do travessão. Ali fica posicionado o goleiro, ou guarda-redes,o goleiro só pode usar as mãos dentro da sua área, defendendo o gol. Uma partida de futebol é vencida pela equipa que marcar um maior número de gols. O torneio mais prestigiado do futebol é a Copa do Mundo Fifa, os maiores vencedores são Brasil (1958, 1962, 1970, 1994, 2002), Itália (1934, 1938, 1982, 2006) e Alemanha (1954, 1974, 1990).

Massagista do Serra Futebol Clube




Na Foto Isaias

Enfim... chegou o grande dia!




Olheiros do Futebol é um documentário com a produção da Agência Cinema.

www.agenciacinema.com

domingo, 21 de outubro de 2007

Entrevista com Ciça Castello em nosso perfil no Orkut .

Entrevista com Ciça Castello em nosso perfil no Orkut .
Produtora de Elenco da novela "Dance,Dance,Dance" da Band Produziu
o elenco dos filmes, além das novelas Malhação,Porto dos Milagres E DIVERSAS OUTRAS.


http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=1441954458131883344

Proposta para cadastro de artistas


Com a ampliação da proposta de oferecer artistas para Cinema e Televisão.

À agência Cinema está renovando seu material com uma cara personalizada para maiores serem as chances de seus artistas. (Para artistas de São Paulo).

Estamos renovando material fotográfico e Vídeo book dos artistas cadastrados e fazendo de artistas que tem o interesse em serem agenciados.
Agendar por e-mail, Os textos para o vídeo e figurino serão sugeridos pelo Booker.

MSN:agenciacinema@hotmail.com

Atenderemos com hora marcada.
Karen e Drica

www agenciacinema com

http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=1441954458131883344

sábado, 12 de maio de 2007